A responsabilidade ambiental é uma preocupação constante da Singer. Todas as unidades fabris da empresa seguem a legislação vigente. Mas na fábrica de agulhas para máquinas de costura essa preocupação vai mais além.

 

Fabricação ‘verde’ de agulhas

 

Denominada “fábrica verde” e aplicando a metodologia Lean Six Sigma, a Singer utiliza no processo óleo derivado da mamona, faz reuso da água e não usa solvente para lavar as agulhas. O processo de lavagem é feito com sabão biodegradável, água quente e ultrassom. Além disso, todos os resíduos de embalagem, sucata de aço e lodo galvânico proveniente do tratamento de efluentes do processo de galvanoplastia (niquelação e cromeação), têm destinação adequada para empresa especializada.
Ao adotar a reutilização da água, a empresa conseguiu uma economia importante de recursos financeiros também. No processo de galvanoplastia, que é onde mais é utilizada água, foi conseguimos uma economia de 50%, porque a mesma água é reutilizada por até 20 dias sem a necessidade de troca, e no uso total da empresa a redução foi de 20%.



Slice-2