Empreendendo com arte

1
12
Jul 13
167099
Primeiros passos

Ser artesão é trazer a existência a sua arte e a sua habilidade única de produzir algo, sem esquecer, é claro, do carinho e dedicação que oferecemos a cada peça.

Muitas pessoas encaram o artesanato como uma terapia. Há quem encare o artesanato como um hobby ou até mesmo uma atividade paralela. O que aconteceu comigo, e com muitas outras, é que passamos a perceber a dimensão da importância e abrangência desse trabalho, tanto artística quanto economicamente.  Somos ao mesmo tempo artesãs e empresárias, em maioria jovens, existem as casadas, solteiras, mães, tias, irmãs, enfim todas com inúmeras habilidades diferentes unidas em um mesmo propósito: valorizar o trabalho de nossas mãos. Isso não significa que o resto do universo também enxerga a atividade de artesão como uma profissão, e isso passa a ser um problema pra nós, mas nada que não tenha solução.

Uma dica legal pra quem trabalha em casa é separar um espaço específico para exercer sua atividade. Além de ficar mais organizado, você consegue ter um ambiente mais apropriado pra desenvolver suas tarefas. Isso me ajudou bastante e, sem dúvidas, meu trabalho passou a render mais depois que estruturei meu Craft Room.

content_001

 

O problema maior quando começamos a trabalhar com artesanato é ganhar o respeito das pessoas que se interessam pela nossa arte. Inicialmente enfrentamos situações chatas, encomendas que são feitas e depois deixadas de lado pelo cliente sem nenhuma explicação, ficamos com o prejuízo, perdemos tempo e dinheiro investido, e isso pode ser desanimador. Mas, uma dica bacana pra quem está começando e enfrenta esse problema é fazer uma linha de trabalho que te garanta uma porcentagem antes de iniciar sua arte e o restante após o termino. Assim você não terá mais tantos prejuízos, além de ter a vantagem de que seus clientes passarão a ver você também como uma empreendedora, e por conseqüência respeitarão você como profissional.

Eu tive o prazer de fazer um curso pelo Sebrae onde recebi treinamento na área de empreendedoris. Você pode procurar um desses cursos na sua cidade e receber algum treinamento nessa área, que é muito importante e ajudará e muito nos negócios.

Lembre-se que o principal motivo dessa profissão ainda existir, e com muita força, é em função da cultura de cada região, tanto em nosso país como em várias partes do mundo. Mas a necessidade de transformar o mundo em um lugar mais divertido e cheio de graça também contribui e muito para essa profissão maravilhosa ainda existir.  Então faça tudo com muito carinho, afinal cada peça carrega um pedacinho de nós.

content_003

 

Por Cris Corrêa.

Versão para impressão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Please enter an Access Token on the Instagram Feed plugin Settings page.