Bolsinhas e mais bolsinhas

19
01
Ago 14
332798
Passo a passo

Se você acabou de adquirir sua Singer, o Superziper preparou um post especial com o passo a passo para fazer uma bolsinha com zíper que é uma graça! Vamos lá?

Você desejou, pesquisou muito por aí, até que  finalmente a sua primeira máquina de costura chegou! Liga, testa, aprende a fazer pontos aqui e acolá, vem aquela vontade de começar a costurar enlouquecidamente, certo? Mas por experiência própria, escolher o projeto errado pode ser meio frustrante para a costureira novata. Mas estamos aqui justamente para te ajudar :). Hoje vamos começar um série de posts com projetos bem basiquinhos e bacanas para quem é iniciante na costura.

A pedida de hoje é costurar uma bolsinha com zíper e forro, projeto que tem alguns fundamentos legais (zíper, construção, acabamentos, etc) e é ao mesmo tempo super utilitário na sua vida. Afinal, quem no mundo não curte uma bolsinha porta-tudo? São o BomBril feminino, com mil e uma  funções.

14568347842_37d371cdcc_z

 

Separe os materiais:

– Tecido estampado externo (2 retângulos de 17X 15 cm)

– Tecido para forro (2 retângulos de 17X 15 cm)

– Ziper 15 cm (meça apenas o comprimento dos dentes, sem as bordas laterais)

– Alfinetes

– Sapatilha para zíper

– Tesoura

– Tira lateral (opcional)

Obs1: Estas medidas são para uma bolsinha pequena, de tamanho final 15 cm X 15 cm. O tamanho do zíper vai determinar o tamanho da bolsinha! Se quiser uma bolsinha maior, com zíper maior, é só acrescentar 2 cm (1 cm de cada lado à largura do zíper) e a altura que quiser.

14568347972_34ef358025_z

 

Posicione um retângulo do tecido externo e alinhe a parte superior com o zíper, ambos com o lado direito virados ‘para cima’.

Note que o meu tecido está cortado em viés 45 graus. Não se assuste, não é necessário cortar o tecido desta forma! Usei retalhos de tecido antigo que já vieram cortados maneira. Mantive assim para aproveitá-los.

14567470824_9b2112cde3_z

 

Em seguida, posicione por cima deles, um retângulo do tecido de forro com o lado direito para baixo. Alinhe os três muito bem pela parte superior e alfinete, formando um ‘sanduíche’ de tecido/zíper/tecido. Se sobrarem pontas do zíper nas laterais não há problema, elas serão aparadas depois.

14589253023_596ffe1cae_z

 

Agora vamos falar coisa boa, vamos falar de de sapatilhas. Vê a diferença da sapatilha de zíper comparada com a sapatilha de uso geral? Elas variam de máquina para máquina. A minha é um Singer Brilliance então a sua pode ser levemente diferente. Mas geralmente a de zíper é mais estreita, justamente para o volume do zíper correr solto pela lateral. É ela que vamos usar! Geralmente ela vem no kit da sua máquina mas você consegue comprá-la avulsa.

14382719837_60538ce23c_b

 

Muita calma na hora de pregar o zíper! Primeiro abra o zíper até a metade. Com a sua sapatilha de zíper, costure em linha reta em cima do sanduíche, deixando uma margem de 0,5 cm paralela aos dentes do zíper. Na hora de passar com a sapatilha ao lado do puxador do zíper, um truque: deixe a agulha no tecido e levante a sapatilha, enfie a mão por dentro e puxe-o para a parte do zíper que você já costurou!

Confissão: Eu não tiro os alfinetes na hora de costurar, por isso gosto de usar estes alfinetes de patchwork que são bem finos e com a cabeça chata. A agulha passa por cima deles na máquina. Pode acontecer de quebrar uma agulha aqui e outra acolá mas isso nunca aconteceu comigo ainda. Gosto de costurar perigosamente ;).

Não esqueça de fazer o retrocesso no começo e no final da costura.

14546080276_1fe370de36_z

 

Após a costura, vire o zíper para fora e cheque se ficou assim: tecido externo, zíper e forro com costura para dentro. É assim que deve ficar o primeiro lado da sua bolsinha. Se chegou aqui já ganha um semi parabéns!

Repita o mesmo sanduíche de tecido externo, zíper e forro do outro lado do zíper. Alfinete tudo no lugar e pregue o zíper a máquina, exatamente como fez do outro lado.

14569173455_b6d8f80fbd_z

 

Depois de costurados os dois lados você terá algo assim, um zíper no meio e dois tecidos presos de cada lado. Repare que as duas costuras ficaram voltadas para o lado de dentro, entre tecido externo e forro.

14382719779_d625dd0c17_z

 

Faça um pesponto por cima do tecido na parte externa, bem rente ao zíper (deixe mais ou menos 0,3 cm de distância). Eu alfinetei para manter tudo no lugar na hora do pesponto mas se preferir, passe a ferro para vincar bem. Faça pespontos dos dois lados do zíper.

14565950361_8e64b5cb01_z

 

Agora abra a bolsinha, juntando as duas partes do forro e as duas partes do tecido externo, tecidos iguais e lado direito com direito. Alinhe muito bem as bordas e alfinete por todas as laterais.

Lembre-se de deixar uma abertura de 8 cm na base do tecido de fundo pois é por ele que a bolsinha será virada.

14565789471_010eaa096a_z

 

Caso queira colocar uma alcinha na lateral, agora é a hora! Um detalhes opcional que dá uma ‘bossa’ a mais.

Usei uma tira de, mais ou menos 8 cm, dobre e posicione virada para dentro dos dois retângulos de tecido externo. Alfinete para ficar no lugar.

14568520112_34f1c76ecd_z

 

Usando a sapatilha de uso geral, costure em toda a borda, deixando 0,7 cm da margem. Comece e termine a costura pelo forro e deixando uma fenda aberta sem costura de 8 cm para virar a bolsinha. Na hora de costurar por cima do zíper vá bem devagar, se necessário gire a agulha da máquina manualmente nas partes mais grossas.

Com a tesoura apare todas as sobras. Apare sobras de tecido do ziper, da alcinha de tecido e dos quatro cantos forro e parte externa. Isso vai garantir que a sua bolsinha pronta não fique com volumes nas pontas.

Opcional legal: Depois da costura eu  gosto de passar um ponto tipo ziguezague em todas as  bordas para garantir que o tecido não vai desfie.

14589253113_c638176e79_z

 

Chegou a hora da virada! Pela abertura que você deixou no forro, vire a bolsinha para o lado direito.

14382719827_f92c680e0f_z

 

Alfinete a abertura que ficou no forro e costure por cima a máquina, deixando 03 cm da borda e assim fechando a sua bolsinha.

14589253493_39328488a3_z

 

Sua bolsinha pronta deve ficar assim. Bonita por dentro e linda por fora :).

14567470714_464861c74c_z

 

Agora que você já sabe os fundamentos, invente acabamentos e capriche nos detalhes. Puxadores de cordão são úteis e ficam fofos nos zíperes. Usei um pedacinho de sutache grosso com nozinho na ponta, ó.

14382559709_0c10e8ff2e_z

 

Esta é a minha bolinha finalizada! A alcinha e a puxadores dão fofura extra a um projeto que é bem simples.

A primeira bolsinha é sempre a mais demorada. Faça mais uma, depois outra. Depois de três você já estará craque na costura bolseira.

Outras dicas:

1. Atenção na hora de cortar o tecido. Um tecido cortado bem retinho e com precisão facilita (e muito) a costurice.

2. Alfinete, alfinete, alfinete. Nada pior que tecido se mexendo na hora da costura. Use alfinetes de cabeça pequena ou chata. Evite os alfinetes de bolinha na ponta, muito volumosos para costura a máquina.

3. Você pode aplicar uma camada de entretela colante no tecido externo para ficar com uma bolsinha mais estruturada.

4. Use uma camada de manta fina junto com o tecido externo e faça um martelassê para uma bolsa mais fofinha. Não recomendo para iniciantes pois o sanduíche grosso é mais difícil de costurar.

5. Eu usei uma tira pronta para a lateral mas fica muito legal se você fizer uma tira com o próprio tecido. Basta fazer com barra dupla e pespontar por cima.

14382537018_f88d369c40_z

 

Eu não disse que bolsinhas de tecido se multiplicam rapidamente?

Fonte: Superziper

Versão para impressão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Please enter an Access Token on the Instagram Feed plugin Settings page.