Baby Quilt

26
25
Ago 14
342914
Passo a passo

Que tal fugir da mesmice e aprender a fazer um Baby Quilt para presentear com o Superziper? Confira o passo a passo abaixo!

14214115512_a71cde122e_z

Comecei a prestar mais atenção nos quilts há pouco tempo, visitando feiras de patchwork e fazendo uma oficina rápida com a Fá, da Farfalla Gialla, do Modern Quilt Guild. Mas o que são quilts? De onde eles vêm? Como se reproduzem? Quilts são estes trabalhos feitos com retalhos de tecidos coloridos. Podem virar desde cobertores e mantas até painéis decorativos. Munida de informações básicas e empolagação de iniciante me joguei e resolvi fazer um! Separei tecidos e fiz um, dois, três quilts para presentear bebês em poucos meses. Um baby quilt feito com carinho pode ser um ótimo presente para recém nascidos. Foge das mesmice dos presentes comprados no shopping e você pode fazer com as cores e estampas que quiser.

14011981397_3c5f759bde_z

Os quilt podem ser extremamente complexos ou simples, a gosto do freguês. Resolvi mostrar aqui como fazer um baby quilt de design bem básico, simples de tudo, para quem nunca fez nada parecido se animar e tentar. Nada de blocos geométricos complicados, apenas combinações quadradinhos de tecido de cores bacanas. Um quilt for newbies. E nem será necessário usar máquina de costura top ou pé especial, tudo é feito na máquina de costura simples, com ponto reto.

Não tem segredo, apenas recomendo uma boa dose de atenção e paciência. Um ótimo projeto para exercitar fundamentos básicos da costura.

Então, vamos fazer um baby quilt? You can do it!

14189918671_39857c5d12_z

Materiais

Tecidos
A primeira parte é escolha os tecidos! Para um design como este, de ‘escadinha’, você vai precisar 0,5 m de de tricoline de algodão em 9 estampas diferentes, 1, 5 m de manta de algodão (peça por R1 da Ambar) para o recheio e 1, 5 m de flanela de algodão para o verso. É legal investir em bons tecidos pois trata-se de uma peça que será bem usada e lavada várias e várias vezes. Recomendo lavar pelo menos a a flanela antes de usar para evitar encolhimento.

Outros
Além de tecidos você vai precisar de: máquina de costura, um monte de alfinetes de costura e de segurança, ferro de passar, régua, base para corte e cortador circular (ou tesoura).

14190655482_7149988192_z

Composição
O design é uma parte fundamental do quilt. Não que haja regras mas existem algumas diquinhas que fazem o trabalho ficar mais harmônico. Por exemplo, escolha uma paleta de cores na hora de escolher os tecidos. Pode ser baseada em tons frios ou quentes.

No meu caso queria um quilt  onde as estampas fazem este efeito de ‘escada’. Também queria um quilt bem claro, com azuis, verdes, amarelos e laranjas abertos. Apenas tons cítricos, clarinhos e alegres. Nada de tons escuros ou terrosos. Também usei bastante branco para dar leveza a composição. O uso do branco e áreas em cores sólidas é característico dos quilts modernos. Mais sobre o design e o movimento dos quilts modernos aqui. Outra dica é misturar estampas gráficas com geométricos como os poás, de tamanhos variados. Experimente com combinações que agradam o seu olhar!

14193149894_47f37e0fb1_z

Corte
Hora de cortar os quadradinhos. No meu caso cortei 90 quadradinhos de tamanho 13,0 X 13,0 cm, sendo 10 de cada estampa. Acho bem mais fácil de cortar com base de corte, régua e cortador circular. Se não tiver cortador, é claro que pode cortar com tesoura mesmo.  O resultado com esta quantidade de quadrados é um baby quilt com tamanho final de 1,20 X 1,10 m, aproximadamente, um tamanho ideal para recém nascidos.

14006564380_51cba48773_z

14006564310_7ce7dd2b75_z

Montagem
Chegou a hora da montagem do topo do seu quilt. Facilite a sua vida ordenando os quadradinhos numa bancada ou no chão mesmo. Vá colocando na seqüência, fileira por fileira. Eu fiz este design de escadinhas, alternando a seqüência de estampas. Por se tratar de um quilt minimalista poderia funcionar bem e dar uma graça a mais.

Para facilitar  o meu trabalho eu empilhei na ordem e numerei as fileiras. Assim você não corre o risco de errar na ordem de emendar quadradinhos. Tire uma foto da seqüência de quadrados com o celular se precisar conferir depois #ficadica.

14195290401_8029f2261e_z

Costura
Chegou a hora de juntas os quadradinhos em tiras horizontais. Seguindo a ordem dos tecidos nas fileiras, costure pela lateral deixando uma margem de 3 mm.

Eu sempre uso alfinetes para segurar tudo no lugar mas se você tiver prática pode costurar direto e viver perigosamente. Nos quilts a gente não precisa fazer retrocesso no começo e no final da costura.

14193150154_12402557ca_z

Depois de costurados todos os quadrados na fileira ela deve ficar assim, verso e frente. Aproveite para aparar os restos de linha das costuras agora.

14170065706_c12c487646_z

Costuradas todas as tiras de fileiras, abra as costuras do verso com o ferro de passar. Sim, é super necessário fazer esta parte caso contrário as suas costuras não vão encaixar. Separe as 10 tiras de fileiras horizontais.

14190655292_3b05ce7d2d_z

Agora é hora de juntas as tiras horizontais umas nas outras, deixando novamente uma margem de 3 mm da borda. Alfinetar é o segredo para deixar tudo no lugar. Alfinete pelo verso, bem no meio das junções, conforme a foto e coloque mais alguns alfinetes no meio para segurar as tiras de duas em duas. Dá um trabalho alfinetar? Sim, mas faz parte! Pelo menos deixa tudo certinho no lugar na hora de você passar a costura a máquina. Comece juntando de duas em duas tiras, até completar a metade superior e a metade inferio do topo. Ao final junte os dois pedaços que sobraram pelo centro. Seu topo está pronto!

14190655342_c84e34f5f2_z Com o ferro de passar abra todas as costuras, passando pelo lado avesso. 14190655222_1fb0fc6819_z

Montagem do sanduíche

Agora uma etapa muito importante! No chão ou em uma bancada estique os tecidos  faça um sanduíche de tecidos nesta ordem: flanela, manta e topo.

Estique bem todos eles, para não ficar nenhuma dobra ou ruga. Prenda as três camadas juntas usando alfinetes de segurança grandes alternando os quadrados.  Isso evitará que os tecidos ‘andem’ quando forem manipulados.

14189918031_4650beee3c_z

Acabamento 
Apare as laterais deixando uma margem e manta e flanela de 0,5  cm da borda do topo. Faça o acabamento lateral pregando uma tira de viés a máquina. Não fotografei o corte do tecido de viés a 45 graus mas se quiserem posso fazer um próximo post mostrando, ok?14170065766_ac0557e5cd_z

Ao final, para segurar todas as camadas no lugar, vamos dar nozinhos. Por que escolhi esta técnica para o primeiro quilt? Porque o matelassê a máquina nem sempre é fácil para iniciantes. Existe o risco da máquina não aguentar a grossura do quilt, a costura não ‘bater’, o tecido enrugar… Mil coisas! Então para o primeiro quilt sair lindo e sem stress a minha dica é arrematar dando pequenos nós com fio de algodão de boa qualidade e de cor contrastante (usei um fio para bordado satchiko mas qualquer fio de algodão grosso serviria).
Passe o fio com ajuda de uma agulha no canto dos quadrados e dê um nozinho duplo. Isso vai fazer com que as três camadas de tecido não fiquem saindo do lugar. Esta técnica dos nozinhos era muito usado nos quilts japoneses antigos, que eram feitos totalmente a mão!  14011946600_f06d67e8bf_z

Alterne nozinhos nos cantos dos quadrados do quilt, conforme a foto, um sim e um não. Corte o excesso do fio deixando aproximadamente 1,0 cm de sobra. Fazer o degradé de escadinha é apenas uma opção. Também dá para fazer usando com retalhos que tiver em casa e criar um design diferente, com quadrados diferentes, ao seu gosto.

O resultado final é este. Um cobertor divertido com verso de flanela quentinha!

Espero que se anime a fazer. Não vou negar que é um projeto que requer uma certa paciência mas se pegar o embalo dos quadradinhos dá super para terminar o trabalho em um final de semana.

Quem se arrisca a fazer um primeiro quilt?

Fonte: Superzíper

Versão para impressão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Please enter an Access Token on the Instagram Feed plugin Settings page.